Genoma, Células tronco X Igreja.

Vivemos em pleno século XXI, já rompemos vários paradigmas e convenções sociais impostos por pessoas influentes ou instituições, mas mesmo assim existe uma que persiste na busca de manipular a sociedade, a Igreja. Agora ela quer impor-se na ciência mesmo sem conhecer detalhadamente as pesquisas, ela quer justificar sua posição com valores arcaicos, e tenta mexer com as pessoas com a emoção, fazendo-as acreditarem em meias verdades.

Não podemos deixar que uma instituição podre como é a igreja, decida se devemos ou não prosseguir com pesquisas científicas que trarão cura para nossas patologias, se formos submissos a igreja iremos entrar em um período de retrocesso. Toda vez que ela passou a tomar decisões do âmbito político a sociedade passou por épocas caóticas e pouco produtivas cientificamente falando, como exemplo temos a Idade Média em que a igreja exercia total influência sobre a sociedade, e neste período obtivemos avanços científicos? Muito pelo contrário quem tentasse criar era punido.
Sou a favor de pesquisas, como a com células tronco embrionárias, pois elas representam um grande avanço na Medicina e nas ciências de uma forma mais abrangente. Não devemos pensar nas vidas cessadas, mas sim nas vidas que serão salvas, afinal todo mês a mulher desperdiça um óvulo na menstruação, o homem desperdiça milhares de espermatozóides numa ejaculação, não é melhor que os aproveitemos para produzir embriões utilizáveis nas pesquisas, pois estamos impedindo o surgimento de uma vida da mesma forma.

Entretanto deve-se ter um controle sobre a produção artificial de embriões, para que não haja uma produção excedente gerando desperdício dos mesmos e até mesmo um gasto desnecessário com recursos financeiros, investidos nas pesquisas pelos governos, pois estamos atravessando uma grande crise econômica, e o dinheiro desperdiçado poderia ser utilizado por outras pesquisas.

Também apresento-me favorável ao projeto Genoma que tem como objetivo principal, identificar e fazer o mapeamento dos cerca de 80 mil genes que se calculava existirem no DNA das células do corpo humano, determinar as seqüências dos três bilhões de bases químicas que compõem o DNA humano e armazenar essa informação em bancos de dados, desenvolver ferramentas eficientes para analisar esses dados e torná-los acessíveis para novas pesquisas biológicas.

Através do Genoma poderemos descobrir se somos predispostos a termos alguma doença e assim tratá-la antes que a desencadeemos, ou seja, a Medicina passará a ser preventiva se preocupará na prevenção das doenças e não somente com o combate das mesmas como ocorre atualmente, também poderemos saber como e com quais doenças o nosso filho nascerá, espero que isso não acarrete uma busca por filhos perfeitos.

Enfim, prezo pela ética profissional, não posiciono-me a favor ou contra o avanço científico embasando-me em fatores fúteis nem ególatras, mas sim pensando no quão benéfico para a sociedade como um todo esse avanço será, espero que nossas autoridades não cedam mais uma vez às imposições da igreja, pois a religião não deve interferir no que se diz respeito a ciência, para que não gere um regresso.

Arthur A. Melo.

Unknown

Phasellus facilisis convallis metus, ut imperdiet augue auctor nec. Duis at velit id augue lobortis porta. Sed varius, enim accumsan aliquam tincidunt, tortor urna vulputate quam, eget finibus urna est in augue.

3 comentários: