Educação em Crise


Pergunto-lhes se já pararam para pensar na crise vivenciada pela Educação, não refiro-me as estruturas defasadas, a violência, a corrupção, mas refiro-me a forma de transmissão dos conhecimentos, os educadores transmitem e os alunos absorvem sem questionar, sem criticar, nem sequer formulam uma opinião a respeito do que lhes foram transmitidos.
A escola, lugar onde devia-se produzir conhecimentos, está tornando-se um lugar de repetição de idéias, os alunos aceitam passivamente tudo que lhes são imposto, concordam com tudo. Parte disso que ocorrer é culpa da hierarquia escolar, por causa dela muitos professores não aceitam questionamentos, criticas de seus alunos, pois pensam que aceitando-as e apoiando-as estarão sendo rebaixados.
Por conseguinte muitas mentes brilhantes são prejudicadas, pois não recebem incentivo intelectual para continuarem a produzir conhecimento, chegam a ser ridicularizados diante todos por pensarem diferente. Alunos que tiram notas baixas, bagunçam são simplesmente excluídos, quando deviam receber apoio para superar esses percalços na trajetória acadêmica, pois se não forem superados logo, causarão traumas maiores.
Boa parte dos alunos de hoje não passam de repetidores de idéias, que se não mudarem nunca serão capazes de produzir novos conhecimentos. A queda da produção intelectual nas Universidades deve-se a essa carência de incentivo e preparação para produção intelectual nas escolas, pois os alunos deviam desde cedo serem preparados para produzirem novos conhecimentos não apenas repeti-los.

Arthur A. Melo

Unknown

Phasellus facilisis convallis metus, ut imperdiet augue auctor nec. Duis at velit id augue lobortis porta. Sed varius, enim accumsan aliquam tincidunt, tortor urna vulputate quam, eget finibus urna est in augue.

10 comentários:

  1. Educação é o minimo que todos deveriamos ter,e já resolveria mtos dos problemas que enfrentamos hoje!

    www.conto-um-conto.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Concordo!!!
    Educação é a palavra!!!

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pelo blog, você escreve muito bem!
    Eu fico indignada também com o que anda acontecendo com a educação.....
    Ainda a pouco eu li um e-mail que recebi, com as pérolas escritas nas redações do ENEM, me rachei de rir, seria cômico se não fosse tão trágico!
    Onde já se viu, estudantes de Ensino Médio escreverem tão mau assim!!!

    Mudanças já!
    E a educação começa em casa!!!!

    ResponderExcluir
  4. Ah!!!
    Esqueci!!!

    Me visitem!!!

    http://gisinnhaalves.blogspot.com/

    Bjus!

    ResponderExcluir
  5. eu concordo, infelizmente essa é a realidade de muitas escolas e universidades por ai.. temos q fazer a difErença. AGENTE MUDA,O MUNDO MUDA !

    ResponderExcluir
  6. Querido amigo avassalador...
    Tenho um amigo mestre que diz: ensinar é uma arte de sedução. Se o aluno não se encantar, nada vai acontecer ou ser modificado"...
    e ponto final!

    ResponderExcluir
  7. Os alunos não questionam sobre o que ouvem nas escolas, consequentemente, a estrutura educacional não muda. Professores que sentem-se donos da verdade absoluta, tb atrapalham o desenvolvimento da produção intelectual no país, e daí vemos boas idéias serem desperdiçadas, ou mentes brilhantes deixando o país, para buscar oportunidades lá fora.
    Gostei muito do seu texto.
    Parabéns.

    http://infonews2012.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. E obrigada por comentar no CONTO UM CONTO!

    www.conto-um-conto.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. ta complicada a situação hoje em dia.
    as pessoas deveriam possuir um senso criticio mais aguçado, porem, relevante.
    nao adianta so querer reclamar, mas em cima de ideias sem sentido;
    a educação de qualidade esta escassa mesmo.

    ResponderExcluir
  10. Oi Artur, adorei seu comentário sobre educação. Mas o que se tem feito muito hoje me dia é criticar o professor e esquecem que todos da escola são responsáveis pelo aprendizado do aluno. Pais e escolas fazem questão de reproduzir essa estrutura e muitas vezes cobra isso quando o filho comenta que na escola está tendo atividades diferenciadas, ou quando o professor não impõe uma rigidez no tratamento ou os deixam livres pra decidir.

    ResponderExcluir